fbpx

Eric Le Lay, da Huhtamaki, foi nomeado presidente da European Paper Packaging Alliance (EPPA). Com a nova presidência, a associação concentrar-se-á numa melhor regulação e na elaboração de políticas baseadas em evidências científicas durante a sua presidência.

Pretende garantir que a legislação que afeta as embalagens em papel e as ambições do Pacto Ecológico Europeu tenham base em provas sólidas, com vista a promover soluções viáveis do ponto de vista ambiental, através da inovação.

"Os membros da EPPA estão empenhados em reduzir a pegada ambiental das embalagens de alimentos e serviços alimentares sem comprometer a segurança alimentar e a proteção da saúde humana. Continuaremos a construir parcerias com organizações que partilham o nosso foco no desenvolvimento e entrega de soluções inovadoras e práticas para aumentar a reciclagem e reduzir as emissões de carbono. A EPPA, cujos membros representam tanto fornecedores de matérias-primas renováveis como de produção sustentável de embalagens de serviços alimentares, está empenhada em ajudar os retalhistas de alimentos e as empresas do ramo a oferecerem a melhor experiência de consumo de forma sustentável", diz Eric Le Lay.

embalagem alimentar papel

Eric Le Lay também explicou a necessidade de se concentrar numa melhor regulamentação para ajudar a garantir que os sistemas alimentares europeus sejam capazes de cumprir o que refere. "A regulamentação à prova de futuro deve basear-se em factos e provas científicas. Para enfrentar desafios como as alterações climáticas e a escassez de recursos, as ambições devem ser elevadas. Para o concretizar, a regulamentação deve proporcionar espaço para a inovação e o processo legislativo tem de ser suficientemente robusto para garantir que não haverá consequências não intencionais que possam comprometer as metas iniciais estabelecidas. Na EPPA, continuaremos a apoiar os decisores políticos com informações científicas sólidas para permitir uma melhor regulação e tomada de decisões baseadas em evidências e fomentar a inovação na UE."

Representando os principais fabricantes europeus de embalagens de papel e fibras alimentares e serviços alimentares, a EPPA promove a segurança alimentar, as soluções circulares e a redução das emissões de carbono.

O sector europeu das embalagens de papel e de bordo emprega diretamente cerca de 50.000 pessoas e apoia o mercado dos serviços alimentares, com um volume de negócios estimado de 70 mil milhões de euros, empregando 1,6 milhões de pessoas e fornecendo a 160 milhões de consumidores em toda a União Europeia.